Tradução (Translate)

quinta-feira, 20 de março de 2014

NOITE PERFEITA!


Pode parecer um contra senso, mas se este susto tinha de acontecer para a equipa manter os pés bem assentes no chão, pois bem, este foi o jogo perfeito para tal acontecer... o futebol é um jogo fantástico e se o Benfica sofreu, o Tottenham não sabe como fez aqueles dois golos de rajada!
Fica o susto e fica o aviso que no futebol a distância entre a glória e o desastre é demasiado curta para sequer se adormecer um minuto que seja... no global, o Benfica esteve bem, jogou com os seus suplentes do meio-campo para a frente e não perdeu a partida, mas hoje desesperei nos últimos 15 minutos do jogo.
Jesus esteve bem no onze que colocou em campo, manteve a defesa titular, no dia em que Oblak foi finalmente colocado à prova e respondeu com grande categoria e tranquilidade.
Sulejmani e Salvio são jogadores muito parecidos e ainda longe da melhor forma... são duas forças da natureza, mas as pernas ainda não respondem!
Falta algo ao Djuricic, falta experiência, falta querer, garra e ambição a um jogador que depositava grandes esperanças... esperemos que para o ano esteja francamente melhor!
Adoro e respeito o Cardozo, mas parece-me que com 30 anos o seu ciclo está a chegar ao fim no Benfica... esta ideia de dois avançados móveis dá muito mais equilíbrio à equipa, Cardozo está longe da sua melhor forma, mas parece-me que o seu espaço na equipa começa a ficar tremido... não quero com isto dizer que o Benfica deverá descartar o seu super avançado centro, mas parece-me que muita coisa mudou esta temporada e muita coisa irá mudar na próxima... veremos!
O FC Porto está vivo e ainda teremos jogos muitos difíceis contra eles, penso que somos superiores ao FC Porto, mas o perigo é real e a vitória em Nápoles deu-lhes a moral que precisavam para encarar os embates com o Benfica... não vai ser fácil!
Enfim, venha a Académica, que hoje lá se foram mais uns anos de vida... viva o Benfica.

8 comentários:

  1. ja levamos o susto no nacional-benfica quando tava 2-3 e o gomas não marcou por acaso... JJ ta-se a por a jeito! Maxi com extremos rapidos não tem andamento, a.gomes muito verde, djuricic e cardozo a pastar! Deu mais salvio ao jogo que qualquer 1 deles vindo este de lesão!

    ResponderEliminar
  2. Foi muito bom o susto! A arrogância do catedrático já tinha voltado! E hoje os 3 dedos iam saindo caros .... com mais uma humilhação. Estou farto!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estás farto, atira-te a um poço!

      Eliminar
  3. O verdadeiro sortilégio do Futebol é o de ser um jogo de erros. Hoje assim aconteceu, devido a dois erros individuais e agravados pela falha na compensação, toda a equipa abanou (estranhamente!) - a excepção foi o enorme Oblak - durante 10 longos minutos.

    ResponderEliminar
  4. Para se gerir a equipa desta forma ao mudar 6 titulares corre-se um risco. Mas que pode dar muitos proveitos mais tarde. Nisso a noite também foi quase perfeita, não fosse alguns jogadores como o Cardozo teimarem a voltar à boa forma.

    ResponderEliminar
  5. Vendo as coisas dessa maneira, talvez tenha sido positivo o que aconteceu hoje.
    O catedrático já estava a ficar arrogante, convencido e insolente. Não aprende nada mesmo.
    A arrogância é transmitida para os jogadores e tudo se passa como uma bola de neve.
    Hoje, tudo acabou em bem. Mas se houvesse prolongamento a equipa não aguentava mais meia hora de jogo. Estou a sentir que estão como nos anos anteriores em que já não podiam com uma rata pelo rabo.
    Estou com alguma apreensão. Parece que estou a reviver um filme já visto.
    Com o catedrático não temos sossego. É tudo feito sem programação. Parece que estamos sempre à mercê da sorte de que ele usa e abusa. Umas vezes a coisa corre bem... Outras nem por isso! Por exemplo hoje, quando tirou o Cardozo e meteu o Lima, comentei com os meus vizinhos: "Não concordo com esta substituição. O Cardozo segurava dois defesas lá atrás. Agora vão ter mais dois jogadores para jogarem na frente." E foi o que se viu. O Homem é estúpido e acredita na sorte... Já não aguento mais isto!
    ao com esta

    ResponderEliminar
  6. o Cardozo é para acabar a carreira no Benfica.

    um jogador que esteve meses parado e que ainda nao está nas melhore condiçoes e ja estao a dizer merda sobre ele foda-se... é o melhor marcador estrangeiro de sempre do clube crl, haja noção!

    nao o assistem e a culpa é dele queres ver? metam-lhe bolas que ele marca, acho que toda a gente sabe isto.

    dois avançados móveis? e depois é preciso andarem os defesas a marcarem golos senao estavas fodido, pensem caralho... o Cardozo é só o nosso melhor ponta de lança, se a equipa jogar normalmente ele vai continuar a marcar carradas de golos como tem marcado, agora se andarem a brincar com a bola na linha de fundo e nem sequer lha passarem para a área... o Cardozo tem que ser bem servido na área, ele aí é letal, dos melhores do mundo.

    o Cardozo em condições normais é sempre titular no Benfica, pois o Benica com ele em campo está sempre mais perto de marcar e de ganhar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro anónimo, podias ter-te identificado, no entanto adivinhava que a minha afirmação sobre o Cardozo poderia ter uma reacção como a tua e de facto não era minha intenção falar mal do Cardozo ou colocar a sua categoria em causa, não era isso que queria dizer... apenas sinto que no decorrer desta temporada algo mudou no ataque do Benfica, que acabou por mexer com toda a estrutura da equipa... bem sei que Cardozo é um dos melhores atacantes do mundo e o melhor goleador estrangeiro da história do Benfica, mas isso não quer dizer que eu não sinta que a sua longa lesão nas costas, não tenha colocado em causa a sua importância no plantel, pois a equipa reinventou-se e aprendeu a jogar sem ele na frente de ataque... e que bem que joga... era apenas isso que queria dizer, temos de estar preparados para uma possível saída de Cardozo no final de época... era isso que queria dizer, que sinto que algo vai acontecer com o Cardozo e temos de aceita-lo com naturalidade!

      Eliminar