Tradução (Translate)

segunda-feira, 18 de maio de 2015

EXCELENTE NOTÍCIA



Os filhos do adepto agredido por um agente da Polícia de Segurança Pública (PSP) em Guimarães vão receber o troféu de campeão nacional de futebol, conquistado pelo Benfica, após um convite do presidente do clube 'encarnado'.

Fonte oficial do Benfica disse hoje à agência Lusa que o presidente do emblema das 'aguias', Luís Filipe Vieira, já contactou o adepto e convidou-o a assistir ao jogo de consagração, frente ao Marítimo, no Estádio da Luz, em Lisboa.

Além deste convite, segundo a mesma fonte, Vieira convidou também os dois filhos de José Magalhães a subirem ao relvado do palco 'encarnado', para receberem o troféu referente ao 34.º título de campeão nacional.

No domingo, depois do empate 0-0 entre Benfica e Vitória de Guimarães, da 33.ª jornada da I Liga, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, dois homens, pai e filho, acompanhados de duas crianças, foram agredidos por um agente da PSP, numa ação captada pela reportagem da Correio da Manhã TV (CMTV).

A PSP já anunciou a abertura de um inquérito disciplinar ao agente, o Ministério da Administração Interna vai abrir um inquérito à ação policial durante os festejos da conquista 'encarnada', enquanto José Magalhães revelou a sua intenção de processar o polícia, após ter sido ouvido por um juiz do Tribunal Judicial de Guimarães.

4 comentários:

  1. Boa iniciativa mas não será cedo demais? Há uma semana até ao jogo... não era melhor tentar perceber o que se passou mesmo ou isso já se sabe?

    Pergunto isto porque sigo a WWE e bem me lembro do programa de homenagem ao Chris Benoit... até que se soube o que aconteceu. Só um pequeno receito. Pode ser infundado e até acho que os miúdos merecem o prémio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viu-se nas imagens que o homem por muito mal que pudesse ter estado, nunca na vida mereceu aquela tareia, o moina deu-se mal pois ñ pensava q estivesse a ser filmado!
      Se estivesse c\ 1 camisola tenda de praia a reação do moina era a mesma?

      Eliminar
    2. É o que me parece também.Aliás, eu digo isso... não me lembro mesmo de nada que possa justificar aquela reacção.

      E essa pergunta relativamente à camisola é algo a apurar. Porque se foi pela camisola, bem pode e deve o adepto começar por ir atrás do incendiário de Guimarães que nos andou a ameaçar se fossemos festejar lá para não sei onde.

      Eliminar