Tradução (Translate)

sexta-feira, 8 de abril de 2016

DIZEM ELES QUE O BENFICA MANDA NESTA MERDA TODA!


O Conselho de Disciplina (CD) justificou a decisão de absolver Slimani por considerar que não foi provado que o argelino "tenha corrido na direcção do jogador n.º 7 do Benfica (Samaris) atingindo-o com o braço direito na nuca e agindo livre e conscientemente, bem sabendo que ao atingir o jogador adversário estaria a violar o RD da FPF". Além disso, o CD também não concluiu "sem margem para dúvidas que o lance não foi observado por nenhum elemento da equipa de arbitragem".

No acórdão explicam-se também os termos da defesa de Slimani. "Não estava a correr na direcção do jogador Samaris, mas sim, tal como é visível nas imagens, na direcção da bola", argumentam os leões.

"O arguido [Slimani], perante a obstaculização do jogador Andreas Samaris, que abre os braços e se desloca lateralmente no momento em que o tentava contornar, tem a reação instintiva de atirar o braço para a frente, tentando rodar o seu corpo, e desfortunadamente atinge aquele jogador", diz ainda a defesa do Sporting, garantindo que "caso o arguido não tivesse projectado o braço para a frente, teria sido atingido na zona do peito pelo cotovelo" de Samaris.

Outra das razões apresentadas pelo emblema de Alvalade é "pela posição relativa do árbitro, da bola e dos jogadores Slimani e Samaris, facilmente se conclui que o lance do choque estava perfeitamente enquadrado com a linha de visão do árbitro", pelo que, conclui, Jorge Sousa "não pode ter deixado de observar o lance".

11 comentários:

  1. Sou obrigado a reconhecer, os lagartos são efectivamente a equipa melhor colocada para ser campeã nacional o seu presidente é o homem ideal para o lugar.

    ResponderEliminar
  2. não é por esta aventesma ser castigada ou não que ganhamos o campeonato, ganharemos em campo a marcar mais que o adversário, pois é assim que se ganham campeonatos e não com táticas de intimidação!
    Este caso pareceu o do deco quando atirou a bota ao árbitro!

    ResponderEliminar
  3. Uma vergonha! Uma agressão bárbara ser absolvida. A defesa do Sportem é no mínimo cómica, como é que pôde ter sido levada em conta.
    Ridiculo. É das agressões mais bárbaras que já vi no futebol. Hoje abriu-se um precedente gravíssimo.

    - O Sonho de Damião -

    https://metalmadness2015.wordpress.com/

    ResponderEliminar
  4. ....vem provar que os BENFIQUISTAS(principalmente quem dirige)TÊM DE ESTAR ATENTOS.....SÓ CONTAMOS (COMO SEMPRE)COM O QUE FIZERMOS EM CAMPO.....OS JOGADORES E TREINADOR MAIS O "COLINHO" DOS ADEPTOS VAI SER FUNDAMENTAL PARA O TRINTA E CINCO....RESPAREM NA PRESSÃO QUE TODAS AS SEMANAS OS OSGAS(Octávio/inácio FAZEM CONTRA OS ÁRBITROS.....E, ONTEM O CORRUPTO MOR FOI CLARO....A ÉPOCA ACABOU.....VÃO ABRIR AS PERNAS NO DRAGÃO CONTRA OS LAGARTOS.....MAIS AINDA,TENHO UM FAMILIAR A TRABALHAR NA MADEIRA(é professor)QUE ME DISSE QUE A CONFUSÃO QUE ESTÁ A ACONTECER COM OS JOGADORES DO MARITIMO,É UMA QUESTÃO DE DINHEIRO....PARECE QUE "ALGUNS "QUEREM FACILITAR NA CASA DOS OSGAS.....POR ISSO MEU CARO NÃO É SURPRESA QUE O TERRORISTA ARGELINO FIQUE IMPUNE.....abraço(Afonso....

    ResponderEliminar
  5. Hoje decido pegar numa marreta, dirigir-me ao estádio de Alvalade XXI e destruo um pilar da garagem do estádio verde e branco, pode ser aquele onde dois jornalistas do JN decidiram efectuar as suas necessidades líquidas!

    Instaurado o devido processo crime contra mim, por crime de dano, tenho que ser obviamente absolvido, pois não pode ser dado como provado que eu desloquei-me concretamente contra aquele pilar com a intenção de o atingir, pois ao destruí-lo eu não sabia que para esse efeito eu estava a cometer um crime!

    Até digo mais: de acordo com a argumentação alinhavada na notícia, eu posso destruir o Alvalade XXI, porque para mim, tal traduz-se numa medida de protecção ambienta e um acto de defesa da ordem pública, pois estou a erradicar um WC ao ar livre e a eliminar diversos problemas do foro mental e psíquico,nomeadamente a mitomania e os complexos hiperbólicos de grandiosidade inexistente e complexos de inferioridade! Assim sendo, para além da absolvição, devo ser condecorado com a cruz da Ordem do Infante D. Henrique.

    Por último, tenho que salientar o seguinte: mesmo que não me possa ser aplicável a referida argumentação para a minha absolvição, desde já peço o estatuto de cidadão argelino! É que só encontro justificação plausível para a decisão proferida no facto do argelino não saber ler português e por isso, não conhecer o regulamento disciplinar português. E muito menos a lei em Portugal!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. concordo , o CD da Federação abriu um precedente ,a partir de agora não podem
      castigar sem perguntar ao infractor se: fez de propósito ?

      Eliminar
  6. Isto torna o glorioso ainda mais unido e mais forte! Carrega Benfica! Rumo ao 35º!

    ResponderEliminar
  7. e ainda vão dizer que foi só para disfarçar o grande poder que o Benfica tem e calar o Sporting que a queixa não saiu

    ResponderEliminar