Tradução (Translate)

sábado, 11 de junho de 2016

ONDA DE VIOLÊNCIA NO EURO 2016


O que vimos no antes e no depois do jogo Inglaterra vs Rússia é um sinal de que a organização francesa não está preparada para a onda de violência entre adeptos das respectivas selecções que se deslocaram a França, rezemos para que estejam minimamente preparados para as ameaças terroristas do estado islâmico... e o EURO ainda agora começou, esperemos que apertem na segurança e tragam de volta a tranquilidade que esta competição merece mas que ainda não teve... mau demais!

7 comentários:

  1. Inglês espancado por franceses e atirado para a linha do metro de Marselha após o jogo desta noite faleceu.

    Ui... isto está negro.

    ResponderEliminar
  2. Dartalovv , tens a certeza que eram franceses sem ascendência "maghrebina" ? Nessas paragens , autênticos santuàrios de criminalidade , religiosa ou não , onde os "gangs" se cumprimentam a toque de Kalashnikov , o respeito pelo prôximo é ZERO . Não é por acaso que o Front Nacional , partido da Extrema Direita racista e xenôfobe , tem cada vez mais simpatisantes . Em certas zonas de Marselha ( assim como em certas zonas da região de Paris...),a REPUBLICA simplemente deixou de existir e jà hà muito tempo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim. Eram de ascendencia magrebina segundo a imprensa britânica.

      Marselha é uma cidade muito pior do que as piores expetativas antes de conhecer. É só magrebs e dos perigosos. Lá és capaz de ver gajos com armas no bolso a passear nas ruas. A policia francesa não está á altura de levar uma competição destas para uma cidade como Marselha.

      Quanto ao crescimento da extrema direita, é perfeitamente normal. A França albergou nos ultimos 30 anos milhões de imigrantes e não quero tomar o todo pela parte mas muitos deles de segunda e terceira geração refletem-se nestes comportamentos que naturalmente deixam os franceses indignados.

      Os ingleses já se sabe como é entre eles e os franceses.

      Eliminar
  3. Esta UE é uma merda, sob todos os aspectos. O futuro é acabar com a merda politica instalada.

    ResponderEliminar
  4. Ja cá faltava o racismo encapotado. Agora é o Magrebe!!!! Grupos de meninos de coro Russos, Ingleses, Ucranianos e Alemães vão para andar a cantar nas igrejas Francesas. A culpa quando há descatos é claro que é da organização e de quem tem origem Magrebina!!! É cá com cada lógica.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas alguém disse que eram meninos do coro???

      O que se passou nos ultimos dias foi uma guerra entre hooligans ingleses, russos e franceses. Eu só referi que Marselha era uma cidade perigosa, conheço a cidade e por isso apenas confirmei que os marselheses são em grande maioria magrebinos o que só põe em causa o processo liberal francês.

      Eliminar
  5. Calma Rfa , com a palavra racismo . O comentàrio foi feito sobre uma agressão feita por estes Franceses de ascendência magrebina , citados pelos jornais , e fiz a descrição da situação que se vive em quase todo o " midi " ( a parte sul de Franca...); hà todo um conjunto de circunstâncias sociais e polîticas que conduziram à situação que se vive hoje em Franca , quer na zona de Marselha ,
    quer na região de Paris e em vàrias aglomerações com forte concentração de jovens descendentes de Emigrantes , Magrebinos e outros , sendo que é no seio desta população , ( cujos jovens não se sentem integrados ...) , que se verificam os maiores problemas , sobretudo agora com o aparecimento da componente religiosa, e não sou eu que o digo , são os factos . Eu estou a falar do que sei , pois acompanho este grave problema social desde 1970 com 46 anos de estadia em Paris . O meu comentàrio é apenas do ponto de vista sociolôgico , com o qual tens o pleno direito de não estar de acordo ; RACISMO é que não ; nem agora nem nunca .

    ResponderEliminar