Tradução (Translate)

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

VENHA DAÍ A PRESSÃO

Não foi por falta de aviso... com a vaca sagrada Luisão com lugar cativo a desfazer a melhor dupla de centrais do campeonato nacional da temporada passada, o Lindelof anda a jogar com os pés trocados e o centro da defesa do Benfica é lenta e a jogar demasiado recuada no terreno para compensar a falta de pernas do velho capitão, com isto a equipa desequilibrou-se e ainda para mais a jogar com um suposto 8 sem capacidade física, sem poder defensivo, sem substituto no plantel, completamente esgotado e pelos vistos agora lesionado, a equipa com o passar das jornadas foi-se tornando cada vez mais lenta, nervosa, sem confiança e completamente previsível.

De repente o Benfica fica sem banco com tantas lesões e recaídas, em média lesionam-se dois jogadores por jogo, os extraordinários departamentos médico e de preparação física do clube têm sido os grandes adversários do Benfica esta temporada, são já mais de 40 lesões esta época e a tendência é para continuar a aumentar com a estrutura do Benfica a fazer de conta que não se passa nada e que está tudo bem... a sensação que fica é que a equipa do Benfica não se aguenta em pé!

A entrada de Renato Sanches na época passada equilibrou a equipa e atirou com o Pizzi para onde ele realmente faz falta, a médio interior direito... esta temporada a ausência de um verdadeiro box-to-box é evidente e a direcção continua entretida a contratar defesas-laterais e a vender as pérolas do Seixal... com o Jonas a voltar depois de uma lesão de mais de 3 meses, a genica do Guedes faz realmente muita falta, sem ele na frente a equipa do Benfica perdeu velocidade, impressibilidade e poder de pressão ofensiva.

A arbitragem esteve ao nível esperado, só não vê quem não quer que o velho sistema está novamente a ganhar força no futebol português... quando vejo os comentadores da BTV antes dos jogos a elogiar as equipas de arbitragem fico estupefacto com tanta estupidez, mas já nada me surpreende na suposta super estrutura do Benfica que não aprende com os erros do passado, pensava eu que depois de tantos milhões de euros ganhos nos direitos televisivos, nas vendas de jogadores e nos patrocínios milionários, a dança das vendas no mercado de Janeiro não fosse necessária, mas pelos vistos a necessidade e o vício de vender vai continuar a ser a politica desta direcção do Benfica que não consegue perceber que não se podem vender titulares a meio da época quando se quer ser campeão nacional em Portugal.

Agora venha daí a pressão, o Benfica perdeu uma vantagem de 6 pontos em três jornadas, consequências de um mês de Janeiro onde aconteceu tudo o que muitos tinham vindo a avisar que podia acontecer se não resolvessem os problemas que são evidentes desde o início da temporada... as únicas palavras que gostei de ouvir depois da derrota do Bonfim foram as do Jonas, que a sua confiança seja a de todos e que no final a dobradinha seja nossa, até lá vai ser sofrer a bom sofrer.

2 comentários:

  1. A equipa está nitidamente cansada, eventualmente devido a uma demasiado robusta preparação fisica por parte da equipa técnica. De acrescentar ainda a onda de lesões que tem varrido o nosso plantel de costa a costa e parece ser eterna. O jogo de hoje foi bem ilustrativo da incapacidade fisica dos nossos jogadores, uma exibição muito fraca para não dizer anedótica.

    Outro aspeto importante de referir é o "buraco" que temos neste momento no nosso meio-campo. A necessidade de um 8 está de volta à baila; quando temos o A.Horta lesionado e o Pizzi fisica e psicologicamente arrasado penso que seria uma boa ideia contratar alguém para esta posição, se houver possibilidade para efetuar tais gastos.

    Mantenho toda a confiança no Tetra e no nosso plantel, no entanto não escondo a minha preocupação com o momento de forma que a nossa equipa atravessa. Hoje foi mau demais para ser verdade e está na hora de arrepiar caminho. É nestas alturas que devemos olhar para dentro de casa e analisar friamente o que está a correr bem e o que está a falhar, sempre de olho no 36. Tenho dito.

    ResponderEliminar
  2. Temos que melhorar. Eu acredito no tetra.
    Carrega Benfica, rumo ao 36, isto é, o tetracampeonato.

    ResponderEliminar