Tradução (Translate)

quinta-feira, 8 de junho de 2017

(IMAGENS) OS E'MAILS DO ADÃO E GUERRA... AFINAL ONDE ESTÁ O PODER?

A sério, são estes os mails que estão a abalar o futebol português... ahahahaha... gosto particularmente quando o Adão Mendes escreve... "Dizem os grandes sábios dos painéis que algo está a mudar, o porto já não manda mas... ainda não compreendem onde está o poder. O poder está no trabalho dia a dia, na busca da verdade e da seriedade e isso faz toda a diferença. Hoje quem nos prejudicar sabe que é punido, e este espaço foi conquistado com muito trabalho do 1º ministro"... ora aqui está um exemplo de um esquema de corrupção segundo os dragartos... ahahahaha... pobres coitados, nem depois de lerem isto conseguem entender onde está o poder!
No fundo isto até dá vontade de rir!
Rumo ao P3N7A, com trabalho, verdade e seriedade...



E agora que leram os e'mails na integra, vejam como Francisco Marques não lê e omite o que não lhe dá jeito, como por exemplo... "O poder está no trabalho dia a dia, na busca da verdade e da seriedade e isso faz toda a diferença"... pobre coitado, e é assim que esta triste figura quer impor a sua asquerosa estratégia de comunicação, descontextualizando, omitindo e manipulando e'mails... pobre coitado, se olharem bem não passa disso mesmo, um pobre coitado que vendeu a alma ao diabo...

9 comentários:

  1. Portanto, segundo os dragartos, punir quem PREJUDICA o Benfica é um ato de corrupção!! Só dá para rir...

    ResponderEliminar
  2. Esse cara de javali já quando trabalhava na Agência Lusa era um crápula. Esses gabinetes de comunicação é só gente sem escrupulos. Aqueles que criticam o nosso atual, que se dêm por contentes em ter um departamento de comunicação sério e que sabe como e quando deve responder aos ataques que tem sofrido.

    ResponderEliminar
  3. Uma carga de porrada é o que este monte de merda merece.

    ResponderEliminar
  4. O paragrafo do "Vamos ter padres" parece completamente descontextualizado.

    Que é facto é que eles atacar o servidor do Benfica, e devem ter milhares de mails na sua posse. Mas nada garante que os mails não tenham sido adulterados como bem entenderem e começaram a criar uma novela.

    Não foram eles que criaram o "Apito Encarnado"?? Já têm calo nestas matérias.

    ResponderEliminar
  5. Oh FJM, põe mais FRUTA nisso!!!!

    ResponderEliminar
  6. que desespero destes pequenos dragões

    ResponderEliminar
  7. O parágrafo «vamos ter os padres que escolhemos e ordenamos, nas missas que celebramos, temos é de rezar e cantar bem», parece-me, sem grandes dúvidas, que se refere à presença dos comentadores na comunicação social, nada tem a ver com árbitros.
    Saudações benfiquistas

    ResponderEliminar
  8. este porco azul anda a anos a tentar denegrir o Benfica basta ver e ler isto ....
    A Agência Lusa e o Benfica apresentaram queixas à Entidade Reguladora da Comunicação Social (ERC) no âmbito do conflito que opõe
    as duas partes desde sábado passado. A agência noticiosa alega que o clube da Luz a impediu de exercer o direito à liberdade de informação. A SAD
    encarnada fala em «mau jornalismo» e acusa um jornalista da Lusa de revelar uma alegada tendência portista e de distorcer a verdade.
    O Benfica reporta-se a Francisco J. Marques, ex-jornalista do Jornal de Notícias e actual editor de desporto da Lusa. Num comunicado
    publicado no seu sítio da Internet, as Águias frisam que este profissional lhes suscita «desconfiança», citando vários artigos por ele assinados onde
    se detectará uma suposta tendência de apoio ao FC Porto.

    Em causa está uma notícia da Lusa com o título «administradores do Benfica receberam 180.000 mil euros apesar do quarto lugar». O emblema
    da Luz considera que «nem sempre o nascimento de uma notícia é inocente» e que por vezes «tal sucede com intenções desculpabilizantes ou dissimulatórias», recordando ainda que antes deste artigo tinham saído as notícias relativas aos prémios da SAD do FC Porto.

    Quanto ao artigo escrito por Francisco J. Marques, o Benfica entende que o «jornalista conseguiu transmitir a ideia contrária aos factos que lhe
    foram reportados» e que «distorceu o sentido da notícia».

    Considerando que «a Lusa desinformou» e que deveria ter «assumido o erro» e pedido «desculpas pelo desvio verificado», o Benfica
    justifica assim ter impedido o acesso da Lusa às instalações do clube nos últimos dias.

    ResponderEliminar
  9. “Há em Portugal uma abissal diferença de tratamento mediático dos jogadores do F.C Porto e dos jogadores de Lisboa. É uma verdade tão evidente quanto inconveniente, mas basta uma leitura superficial da imprensa para observar como os jogadores do Benfica e do Sporting beneficiam de uma imprensa muito mais simpática.” Francisco J. Marques JN 3/12/2007
    investiguem este paspalho e digam a verdade ,pois para mim ele e um ANTI-Benfiquista primario e um ressabiado

    ResponderEliminar