Tradução (Translate)

sexta-feira, 23 de junho de 2017

TOTALMENTE DE ACORDO... O HÓQUEI NACIONAL QUE SE RETRATE!

Que fique bem claro, sou totalmente a favor deste boicote do SL Benfica e dou todo o meu apoio aos dirigentes do clube pela corajosa decisão, esta temporada foram ultrapassados todos os limites, exigem-se profundas mudanças na cúpula da FPP, o Benfica nos últimos 4 anos foi por 2 vezes Campeão Europeu da modalidade, merece mais respeito em Portugal, como tal persiste em não acontecer, ficam a jogar sozinhos... para o ano há mais.
__________________________

Indignação e protesto no Hóquei
O Benfica não estará na final four da Taça de Portugal

O Sport Lisboa e Benfica informa que não comparecerá, este sábado, em Gondomar, na final four da Taça de Portugal de Hóquei em Patins. 

Esta decisão da Direção do Sport Lisboa e Benfica justifica-se pela necessidade e urgência de se tomar uma posição clara que demonstre o estado de degradação que atingiu este ano a cúpula da modalidade e o total desacordo com alguns critérios – ou falta deles – da parte da direção da Federação Portuguesa de Patinagem (FPP) e dos órgãos que a compõem (Conselho de Arbitragem, Conselho de Disciplina e Conselho de Justiça). 

Importa realçar que esta decisão nada tem a ver com as outras três equipas que, de forma meritória, conquistaram o direito legítimo de competir, nesta fase final da prova, pela conquista da Taça 2016/17. 

Ao longo de toda a época, a equipa de Hóquei em Patins do Sport Lisboa e Benfica foi sentindo que muito dificilmente poderia jogar em igualdade de circunstâncias com outros competidores no Campeonato Nacional, por circunstâncias alheias à mera e sã competição desportiva. 

Perante evidentes sinais de dualidade de critérios nos bastidores, decisões erradas em pista e sucessivas nomeações de árbitros difíceis de compreender, jogadores e equipa técnica levaram a definição do campeão até à última jornada, com assinalável resiliência e espírito competitivo. Mas infelizmente, o pior estava para acontecer. 

No decorrer do dérbi de Alverca – intenso, competitivo, uma autêntica final –, ficou clara a inexistência de imparcialidade em algumas decisões, quer para quem o viu no pavilhão quer para os muitos milhares que acompanharam as incidências da emotiva partida pela televisão. Algo que ficou bem expresso, pela forma como foi anulado de forma inexplicável, a poucos segundos do apito final, o golo que daria o 6-5 e muito provavelmente a conquista do 24.º Campeonato para o SLB. 

Sobre todos estes temas, o Sport Lisboa e Benfica vai apresentar uma vasta exposição junto das entidades competentes, que deverão analisar, entre outros aspetos relevantes, a viabilidade dos atuais órgãos da FPP e até a “utilidade pública” da mesma federação que, nas mais diversas áreas, continua a anos-luz dos principais clubes que compõem aquele que é considerado o melhor campeonato do mundo. 

O SL Benfica procurou, durante toda a temporada, junto das instâncias oficiais, compreender as razões para o estranho critério de nomeação de árbitros, mas não foi possível ouvir explicações e isso diz algo das decisões tomadas. Pediu justiça para os injustificáveis castigos a atletas do Clube – até por comparação com outras situações –, mas, mais uma vez, não foi bem sucedido. 

No final de tudo isto, parece que os únicos a quem foi “tirado o sono” foi aos atletas, técnicos, dirigentes e adeptos do SL Benfica, como o comprovam declarações públicas de alguns responsáveis de órgãos pertencentes à FPP ou até a nomeação para o jogo da meia-final da Taça. 

Nas últimas cinco temporadas, o SL Benfica sagrou-se duas vezes Campeão Europeu, conquistou muitas provas do calendário nacional com as suas equipas seniores masculina e feminina (que também venceu uma Liga Europeia), colaborou para o desenvolvimento do hóquei em patins jovem, organizou eventos e participou em iniciativas de promoção à modalidade e, em conjunto com os outros clubes, contribuiu para as grandes audiências televisivas do hóquei em patins. Acabou, contudo, por ser ignorado e perseguido durante toda esta temporada. A anulação de um campeonato a 23 segundos do final, sem qualquer motivo para tal, é apenas o espelho de uma época em que nunca houve igualdade de circunstâncias. 

O Clube toma esta inédita decisão na sua história não apenas por interesse próprio, mas acima de tudo pelo bem da modalidade. É impossível que o profissionalismo, dedicação, empenho e paixão de clubes como o Benfica continue a conviver e estar dependente do amadorismo e “velhos hábitos” que vigoram no hóquei nacional, desde a primeira divisão às divisões inferiores, dos seniores à formação, do masculino ao feminino. 

Que fique claro: tudo isto nada tem que ver com o FC Porto e a UD Oliveirense, cujas equipas lutaram arduamente pelo título nacional e que beneficiarão também, em igual medida ao SL Benfica, das evoluções positivas que se verifiquem nas estruturas que organizam as competições em Portugal. 

Finalmente, porque todo o grupo de trabalho do Hóquei em Patins merece um fecho de época na companhia de quem sempre esteve presente nas bancadas, informamos que se realizará um treino à porta aberta, este sábado, no Pavilhão Fidelidade, às 18h30, hora para a qual estava agendada a meia final da Taça, em Gondomar. 

Lisboa, 23 de junho de 2017 

Sport Lisboa e Benfica
in SL Benfica

10 comentários:

  1. LOL... Mas acham que o Fernando Graça ou os outros tripeiros que andam a sugar privilégios que nem uma esponja, ficam a dar voltas à cama com isto? Eles até se devem estar a rir.

    Isto só vai lá com uma revolução daquelas à moda antiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Óbvio que ficam!E o cargo que ele tem na federação internacional de hóquei?Achas que fica bem visto?loooool

      Eliminar
  2. Clap clap clap só com medidas destas é que se poderão meter em sentido essa corja que está na federação e conselho de arbitragem!

    ResponderEliminar
  3. Isto é o reflexo do SLB ser um clube grande, maior que Portugal.
    Enquanto o SLB não fizer um blackout total a jornais e tv´s, sempre haverá noticias destas.
    Temos de ataca-los onde dói mais= dinheiro.
    Lembro-me de ir ao estádio do braga, e ouvir o speaker, a insultar o SLB.
    Contudo, business as usual e tudo foi branqueado.
    Se é guerra, que seja guerra.

    ResponderEliminar
  4. Se esta decisão parte da direção, não posso concordar com isto. Estamos a fazer o que eles querem, acabámos de oferecer de bandeja uma Taça de Portugal ao clube da Fruta. Os "senhores" da FPP até agradecem.

    Se pensam que nos vão respeitar mais por causa disto, estão muito enganados. Para o ano lá estaremos mais uma vez a ser roubados.

    Relembro que o Hóquei esteve mais de 10 anos sem passar na televisão e isso não pareceu importar a quem mandava na modalidade, desde que mantivessem os privilégios e os mesmos de sempre fossem ganhando os campeonatos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estiveram duas épocas sem o Benfica no Basket. Resultado, a Liga Profissional acabou.
      Este é o primeiro sinal do que pode vir a acontecer no hoquei, ou achas que o Benfica tem de aceitar impávido, não só o que se passou durante toda a época, mas ainda aceitar a "renomeação" do mesmo arbitro pelo quinto jogo consecutivo, ver o seu treinador castigado por 15 dias por palavras na minha opinião demasiado serenas, quando no jogo anterior vimos um porco neves dizer bem pior em directo na nossa TV e nada lhe acontecer.
      Eles que se riam à vontade, irão começar a sentir nos bolsos o empobrecimento da modalidade que lhes dá os tachos. Basta o Benfica deixar de colaborar.
      Ir lá e colaborar na palhaçada é que era o maior sinal de subserviencia.
      Não, não estamos a fazer o que eles querem, estamos a fazer o que nós queremos e só o teu odio à direcção te pode levar a discordar.

      Eliminar
    2. Mesmo!Tinha-me esquecido do basket!

      Eliminar
    3. Ok. É a tua opinião.
      A meu ver, esta falta de comparência do Benfica não vai mudar nada na FPP, porque o interesse deles não é defender a modalidade. Para eles quanto mais pequeno for o meio, melhor.
      Para o ano voltamos a levar com os Joaquins Pintos e os Paulos Rainhas e desta época ficarão na história duas conquistas dos Corruptos.

      Aquilo que eu penso que seria o mais correto era apostar tudo em ganhar a Taça e depois sim abandonar o pavilhão em protesto. Isto se os jogadores estivessem dispostos a ir para o rinque (e por isso ressalvei essa situação no meu primeiro comentário). Para além disso, o Benfica devia fazer campanha contra essa gente que toma conta do Hóquei em Patins nacional e internacional.

      Por fim, quanto à tua última afirmação... quem lê os meus comentários sabe que não sou grande fã desta direção (e tenho variadissimas razões para tal), mas ódio é uma palavra muito forte que julgo não se aplicar à minha pessoa em nenhuma situação da vida. Agora, uma coisa te garanto, eu amo o Benfica e quero sempre o melhor para o nosso clube, independentemente daquilo que cada um de nós acha ser o caminho para melhorar. O Benfica tem uma linga história de 113 anos de democracia e liberdade de expressão e por isso todos estamos no direito de partilhar as nossas opiniões, sejam elas favoráveis a quem está temporariamente a dirigir o nosso clube ou não. Nunca nos devemos esquecer que nada nem ninguém está acima do BENFICA nem nunca estará.

      Eliminar
  5. Uma coisa é certa: vamos dar uma Taça aos corruptos, uma a menos na nossa conta e no nosso museu. Ir a jogo e ganhá-la não seria uma boa lambada nas fuças dos jeitosos que mandam no hóquei?
    Não vejo no comunicado nenhuma menção de queixa às autoridades europeias que tutelam o hóquei. Não poderá ser feita?

    ResponderEliminar
  6. Era deixá-los a jogar sozinhos, com os 5 em campo sem se mexerem, que eu gostava de protestar.. Assim tinham de transmitir a palhaçada e podia ser que alguém responsável pelo hóquei na Europa fosse perguntar o porquê.. E se para o ano nada mudasse era pegar na trouxa e começar nem que fosse do zero em Espanha.. ir mudando uma a uma até à equipa de futebol e deixar este esgoto a céu aberto que se tornou o desporto em Portugal!! Aí é que eu queria ver esta corja dragarta a espernear de bolsos vazios.. desporto de milhões em Portugal era um ar que se lhe deu!

    S.L.Bruno

    ResponderEliminar