Tradução (Translate)

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

ZERO


Zero remates, zero golos, zero pontos e zero de futebol jogado... repito, ZERO remates num jogo da Champions League em pleno Estádio da Luz meio cheio contra o Manchester United, os preços dos bilhetes e o futebol praticado afastaram os benfiquistas de esgotar a sua casa... a marca Benfica vai de vento em popa, os iluminados da estrutura estão de parabéns!

Vi o jogo num link inglês e resumindo o que foram dizendo durante a partida, traduzindo para português foi algo assim... falta de qualidade... equipa mais uma vez desfeita com os melhores jogadores vendidos... futebol lento e previsível... Estádio da Luz incompreensivelmente cinzento... e foi isto.

Siga para Aves...

6 comentários:

  1. Tal e qual.
    Também em inglês onde comentavam o Gerrard e o Rio Ferdinand.. BTHD2
    Os comments deles não te desmentem papoila. É a verdade.
    E todos compreenderam o que aconteceu ao Svilar, numa equipa com um "futebol" de empata-fodas.
    O rapaz foi o jogador que me deixou mais tranquilo (isto se não o venderem já em Janeiro, para colmatar os prejuízos desta participação na T. dos Campeões) e deve continuar a titular!

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  2. Não estou contente com a derrota (antes pelo contrário) e muito menos com o facto de em três jogos internacionais, não termos conquistado um único ponto... mas senti-me de alguma forma "aliviado" com a forma como o Benfica se apresentou hoje contra o Man.United de José Mourinho.

    Há que dar mérito ao Rui Vitória por povoar o meio-campo, criando assim dificuldades na construção de jogo aos ingleses. Seguramente, mais de 60% dos ataques do United partiram pela nossa direita... ficaram mais uma vez à vista de todos as dificuldades defensivas de Douglas, o que não é bom cartão de visita para um defesa lateral a caminhar para os 28 anos. Pelo contrário, Grimaldo, bem como R.Dias e o próprio Luisão, estiveram impecáveis.

    Por fim, o Svilar... o Svilar fez um excelente jogo, demonstrando segurança e confiança, arriscando muitas vezes ao sair de entre os postes e arriscando bem. Cometeu apenas um erro... e logo um erro que nos custou a derrota... um erro normal para um jovem guarda-redes de 18(!) anos que, com o acumular de experiência, aprenderá a não mais cometer.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois ...povoar o meio-campo e tal e coisa ...e não permitimos que o MU nos passasse-a-ferro...
      Mas a questão é que a maioria dos jogos que fazemos é contra equipas muuuuito mais fracas que o MU, e aí..eu pergunto, quantos ataques fizemos? quantas vezes entrámos na área deles?
      E com tanto povoamento só tivemos cerca de 30% de bola??!!!

      Viva o Benfica!

      Eliminar
    2. O Man.United, com o Mourinho, tem uma organização defensiva excelente, das melhores que há no mundo. Sofreu apenas 7 golos esta temporada (9 clean sheets em 13 jogos). E o ataque não lhe fica muito atrás, com 34 golos marcados. Não estamos a falar do Sacavenense.

      Para surpreender, o Benfica tinha de adoptar uma postura mais defensiva, como é natural, ou arriscariamos a levar 3 secos logo na primeira parte. A meu ver, a pressão alta que o Benfica colocou no Man.United deu resultado... quem falhou foi o nosso corredor direito. Eles não andam a dormir e rapidamente se aperceberam da permissividade e da falta de rigor posicional do Douglas. No estádio chega a ser constrangedor.

      Eliminar
  3. Parabens RV e companhia (Pizzi como maestro), cuidem-se os GoldenStateWarriors que vamos atacar o titulo da NBA. aah..não é Basket? pois não! Defesa posicional é coisa de Basket! Será que só eu vejo com Pizzi ou sem Pizzi (com Zivkovic)? Equipa a correr e ganhar bolas!Pena o golo.
    Matic, apreende com o F.Augusto.

    ResponderEliminar