Tradução (Translate)

quinta-feira, 22 de março de 2018

(VÍDEO) SIC FALA EM ESQUEMA DE FINANCIAMENTO NO SPORTING QUE TINHA DE SER COMUNICADO À CMVM... O INVESTIDOR FANTASMA É O NOVO BANCO!

12 comentários:

  1. ORA VAMOS A CONTAS….

    • Sabemos que o Sobrinho detém cerca de 30% das acções da SAD lagarta
    • Soubemos esta semana que o Novo Banco, sustentado pelos nossos impostos, decidiu “emprestadar” mais 18 Milhões para sustentar o estilo de vida da Bruna badocha e, segundo eles, foram emprestados em contrapartida de uma possível entrada de um investidor a troco de 20% da SAD das Osgas…
    • Vamos, pois, fazer umas contas…20% por 18 Milhões quer dizer que cada 1% é igual a 900.000 Euros.
    • Se 900.000 Euros são equivalentes a 20% e o Sobrinho já detém 30%, 20+30= 50 % da SAD Batráquia já se foi
    • Mais ainda….sabendo que a SAD do Recreativo do Lumiar tem cerca de 150 Milhões em VMOCS -Valores Mobiliários Obrigatoriamente Convertíveis, o que quer dizer que no seu prazo de vencimento ou são pagos os 150 Milhões ou são convertidos em Acções lagartas….vamos lá fazer mais umas contas…
    1% = 900.000,00 Euros logo…
    150.000.000,00 = 166,66 %

    166,66% + 30% do Sobrinho e + 20% do “potencial investidor” =

    216,66 % de Capital Distribuído Potencialmente…


    E a CMVM fecha os olhos a esta vigarice?

    ResponderEliminar
  2. eles fazem o que querem...com total impunidade: Portugal, républica das bananas!

    ResponderEliminar
  3. O burro de carvalho é apenas tolerado por uma pequena minoria de cobardolas e otários do Benfica …
    A BEM DIZER, SÓ CONSEGUIU ENGANAR OS BRONCOS CALUNIADORES DO sporting!!!

    Portanto, por mais que berrem, por mais raivosos e broncos que fiquem, por mais que caluniem e tentem roubar o Benfica, a realidade é esta e só esta …

    ResponderEliminar
  4. O burro de carvalho fez acusações graves sem apresentar provas, começou por acusar o Benfica de pagar um quarto de milhão de euros em prendas aos árbitros numa época.
    Fez uma denúncia na Liga mas o caso foi arquivado por falta de provas, e porque os valores das lembranças estão claramente abaixo dos valores máximos referidos pela FIFA.
    Para mim já não existem duvidas absolutamente nenhumas …
    Fez acusações graves, fez uma denúncia formal, teve a oportunidade de apresentar provas mas não as tinha …
    TRATOU-SE CLARAMENTE DE CALUNIA!
    agora a batota e os roubos vão ter de ser revistos e investigados pela justiça

    ResponderEliminar
  5. OS BRONCOS CALUNIADORES QUE JÁ TINHAM A MANIA QUE ERAM OS NOVOS DONOS DISTO TUDO!!!

    Parece que os broncos dos lagartos andam com “raiva verde”, mas a mim não me comovem ,a justiça tem de investigar este caso gravíssimo, mais nada ..

    ResponderEliminar
  6. Agora entende-se o tal milagre financeiro do Brunalgas(nop)

    ResponderEliminar
  7. A mim chateia-me que os órgãos de comunicação social e os restantes clubes, Benfica incluído e no topo, estejam calados com esta vigarice. Isto é claramente roubar o banco e quanto a mim é doping financeiro. Assim é fácil um clube viver acima das suas possibilidades, as contas paguem os outros.

    ResponderEliminar
  8. Eles que têm como estratégia a calúnia e denúncia anonima...que tal as autoridades começarem a investigar procedimentos e actos condenáveis que prejudicam não só os outros clubes, não só o Desporto, mas também os restantes Portugueses que pagam impostos para salvar bancos que utilizam os milhões de todos nós para investir, sem a nossa autorização, num clube...falido!!
    Investigue-se e abram-se os inquéritos que se impõem, acusando-se e condenando este vil e nojento crime Público!!

    ResponderEliminar
  9. Isto é máfia! Pura e dura.
    E ainda têm a lata (os lagartos) de acusar o nosso clube de se abotoar com dinheiro do BES, com dinheiro de «todos nós», como desavergonhadamente afirmam. A mamarem como mamaram não lhes falta o descaramento para apontar o dedo aos outros. É mesmo de filho daquela.

    ResponderEliminar
  10. Alvaladra no seu melhor; toca a mandar toda gente pra porta de alvaladra exigir o dinheiro roubado, lesados do BES, e todos os contribuintes do novo banco velho bando, filhos de um riciardi que os pariu, ou de um sobrinho ladrão sapoide, exigir que o governo intervenha no interesse público, e feche alvaladra e sua lavandaria..parem de roubar os nossos impostos.

    ResponderEliminar
  11. Calma rapazes já apareceu o investidor, segundo se consta é o emplastro filho do avô da fernanda da casa de alterne de contumil.
    Vocês viram o trinca-bolotas preocupado, já sabia que o investidor ia aparecer.
    Saudações Benfiquistas

    ResponderEliminar
  12. A MÁFIA DOS CALOTES É UM BURACO SEM FUNDO:
    - BPN, BES, BANIF, NOVO BANCO,...
    .
    ---»»» O contribuinte tem de deixar de ser preguiçoso/otário!
    (manifesto em divulgação, ajuda a divulgar)
    .
    .
    Explicando melhor:
    - O CONTRIBUINTE NÃO PODE PASSAR UM CHEQUE EM BRANCO A NENHUM POLÍTICO!!!
    .
    Leia-se, DEMOCRACIA SEMI-DIRECTA: isto é, votar em políticos não é (não pode ser) passar um cheque em branco... isto é, ou seja, os políticos e os lobbys pró-despesa poderão discutir à vontade a utilização de dinheiros públicos... só que depois... a 'coisa' terá que passar pelo crivo de quem paga (vulgo contribuinte).
    -» Explicando melhor, em vez de ficar à espera que apareça um político/governo 'resolve tudo e mais alguma coisa'... o contribuinte deve, isso sim, é reivindicar que os políticos apresentem as suas mais variadas ideias de governação caso a caso, situação a situação, (e respectivas consequências)... de forma a que... o contribuinte/consumidor esteja dotado de um elevado poder negocial!!!
    -» Dito de outra maneira: são necessários mais e melhores canais de transparência!
    [mestres/elite em economia já 'enfiaram' trapalhadas financeiras monumentais... quem paga, vulgo contribuinte, não pode deixar de ter uma palavra a dizer!]
    .
    Exemplo:
    Todos os gastos do Estado [despesas públicas superiores, por exemplo a 1 milhão (nota: para que o contribuinte não seja atafulhado com casos-bagatela)], e que não sejam considerados de «Prioridade Absoluta» [nota: a definir...], devem estar disponíveis para ser vetados durante 96 horas pelos contribuintes na internet num "Portal dos Referendos"... aonde qualquer cidadão maior de idade poderá entrar e participar.
    -» Para vetar [ou reactivar] um gasto do Estado deverão ser necessários 100 mil votos [ou múltiplos: 200 mil, 300 mil, etc] de contribuintes.
    {ver blog « http://fimcidadaniainfantil.blogspot.pt/ »}
    .
    Uma nota: a Democracia Directa não tem interesse - serve é para atafulhar o contribuinte com casos-bagatela.
    .
    .
    .
    Anexo:
    Uma opinião um tanto ou quanto semelhante à minha: Banalidades - jornal Correio da Manhã (antes da privatização da transportadora aérea):
    - o presidente da TAP disse: "caímos numa situação que é o acompanhar do dia a dia da operação e reportar qualquer coisinha que aconteça".
    - comentário do Banalidades: "é pena que, por exemplo, não tenha acontecido o mesmo no banco BES".

    ResponderEliminar