Tradução (Translate)

sexta-feira, 27 de abril de 2018

PROVEM A VOSSA COMPETÊNCIA AOS BENFIQUISTAS

"ESTAMOS APENAS NO INÍCIO DE UMA LONGA MARCHA PARA PUNIR TODOS OS QUE ATACARAM O BENFICA"

João Correia, porta-voz da equipa de advogados do Clube, explica que a indemnização de 17,7 milhões de euros exigida ao FC Porto configura somente um dos muitos procedimentos judiciais a acionar até ao verão, porque “nada será esquecido”.

Tornada pública nesta semana, a indemnização de 17,7 milhões de euros reclamada pelo Benfica ao FC Porto, por violação das regras de concorrência leal, “é apenas o primeiro passo notório de uma longa marcha com vista a punir todos aqueles que de forma muito leviana atacaram o Clube em todas as suas vertentes”.
A posição é assumida por João Correia, porta-voz da equipa de advogados do Benfica, em declarações exclusivas ao Site Oficial.

“Isto é apenas o princípio de uma procissão que ainda nem sequer saiu do adro. Todos aqueles que ofenderam e atacaram o Benfica nas mais diversas vertentes (desportiva, moral, económica, empresarial, imagem, honra, dignidade, etc.) vão ser judicialmente acionados, não há dúvidas sobre isso”, reforça o advogado.

João Correia detalha o enquadramento do pedido de indemnização revelado nos últimos dias. “Diz respeito exclusivamente às questões de violação das regras da concorrência entre instituições, neste caso sociedades anónimas desportivas. O que se passa é uma ação de indemnização que decorre da providência cautelar deduzida a favor do Benfica e que visa reparar os danos decorrentes da violação das regras de concorrência entre as duas SAD, isto é, os danos provocados pela SAD do FC Porto à SAD do SL Benfica”, explicita o causídico.

Um por um, “todos aqueles que atacaram e atacam o Benfica de forma vil serão devidamente acionados”, garante João Correia, assegurando que “nada será esquecido”. Até ao verão, admite-se nesta altura, “tudo o que é para acionar, será acionado”. “As repercussões são a curto, médio e longo prazo. Quem semeou ventos vai ter de colher tempestades. Vai ser muito notório, mesmo. E não sei se será apenas a nível nacional”, acrescenta o porta-voz da equipa de advogados.

“O Benfica é uma instituição muito especial, que não pode estar sujeita a este tipo de vexames inventados e fabricados. Tudo é feito com quartas e quintas intenções, e nós vamos atingir as intenções todas. Vamos ver quem está por detrás, algumas surpresas surgirão necessariamente. Não vou dizer o quê, nem quem faz, nem contra quem faz. A única coisa que podemos afirmar é que todos aqueles que perseguiram o Benfica de forma vil serão acionados judicialmente”, sublinha João Correia.

O sigilo e a estratégia determinam os limites da objetividade do conteúdo da informação aqui enunciada pelo advogado do Benfica sobre as “ações de vária natureza” que estão em andamento. “Nada ficará para trás, nada será esquecido, tudo será responsabilizado. Essa é a certeza que temos”, afirma João Correia. “Estamos a trabalhar todos nesse sentido e as coisas aparecerão na altura própria. Não fazemos pré-avisos sobre a natureza das ações que vamos pôr ou dos procedimentos criminais que vamos fazer, mas hão de aparecer, no momento próprio”, salienta o especialista jurídico.

4 comentários:

  1. Discurso de filme...
    Eu até queria ir pelo título otimista do post, mas infelizmente não consigo.
    O Benfica, o que está a fazer agora, vem com muitos e muitos meses de atraso.
    Deitou-se a celebrar as vitórias, qual sombra da bananeira, e pensou que era imune a tudo... não aprendeu com o passado, pelos vistos...
    Agora, temos de esperar bem sentados, quiçá deitados e esperar para ver, o que a inoperância da Direção permitiu que acontecesse, resolvidas as coisas.
    Espero que não sejam mais um processo tipo o dos 14 Milhões € ao JJ...

    ResponderEliminar
  2. Sera tudo assim como o advogado Rui Correia escreve?se for os benfiquistas podem ficar descansados que os malfeitores irao pagar forte e feio...vamos la ver se vamos conseguir ainda ganhar o Penta...mas sera que vamos ter a fe de depender-mos de terceiros?porque a proxima jornada em Portimao e Madeira desconfio que vai ser um autentico circo...veremos quem serao os "palhacos"a abrilhantar...
    Um abraco
    A.Macedo

    ResponderEliminar
  3. Como podes constatar...não andamos a dormir e não temos que andar constantemente a negar acusações vis, abjetas, nojentas de mafiosos com experiência em toda a tipologia e crimes!!
    Lamentavelmente o tempo da Justiça é lento, muito lento, mas já todos percebemos a origem e finalidade destas calúnias, independentemente de tudo, o principal objetivo deles foi atingido, denegrir a imagem do SPORT LISBOA E BENFICA, infelizmente não havia nenhuma espécie de comunicação que pudesse evitar esta mamobra suja de dragartos e grupos de comunicação social!!
    Felizmente, poderemos não só desejar, esperar que no final de cada processo, todos os que intentaram este crime possam ser exemplarmente punidos!!
    O SPORT LISBOA E BENFICA, não acaba hoje, nem esta época, virá o tempo em que todos estes sabujos pagarão o justo preço por esta campanha negra e miserável!!

    ResponderEliminar
  4. Os prejuízos que a aliança canalha para destruir o Benfica causaram ao clube são incomensuráveis.
    O que o advogado João Correia diz, sossega-me como benfiquista, relativamente ao contra-ataque que o clube estará a preparar. A canalha, ao nível institucional, mas também ao nível pessoal, tem de pagar o que fez. Se não der cá, é ir para a UEFA e para a FIFA. Não há que ter contemplações com essa gentalha, que se deu (e dá) ao desplante de falar em «verdade desportiva» para arquitetar o mais miserável ataque que alguma vez foi feito a um clube.

    ResponderEliminar